- Haren Alde celebra sua Assembleia ordinária e agradece a Fr. Manuel Fernández os seus nove anos de presidência
05-06-2017 Madri, Espanha
No último dia 27 de maio, a ONGD da Família Agostiniana Recoleta manteve seu encontro anual, no Colégio Agostiniano de Madrid, para aprovar as atividades do ano anterior e planificar os próximos meses de trabalho, centrados numa próxima Assembleia extraordinária, no último trimestre do ano, para apoiar a fundação de ARCORES.
Um pouco mais de vinte participantes, entre sócios, delegados, voluntários, coordenadores de área, diretor técnico e o presidente da ONGD da Família Agostiniana Recoleta, Haren Alde, reuniram-se no último dia 27 de maio nas instalações cedidas pelo Colégio Agostiniano dos Agostinianos Recoletos, em Madrid, para celebrar sua Assembleia ordinária anual 2017.

A despedida de Frei Manuel Fernández como presidente da ONGD e a aprovação de um novo presidente proposto pela Junta Diretiva, o agostiniano recoleto Frei Simón Puertas, deu a essa Assembleia de 2017 um tom especialmente emotivo, pois foi de quase dez anos o período em que Frei Manuel Fernández esteve a coordenar as atividades, as equipes de trabalho e os programas.

De fato, terminada a ordem do dia, Frei Manuel Fernández recebeu uma homenagem e, como um pequeno detalhe da parte dos presentes, foi-lhe oferecido um conjunto de malas: algo bem significativo, aliás, haja vista que, dentro de pouco tempo, ele partirá para a Amazônia brasileira, a fim de continuar seu labor social e evangelizador no estado do Pará, na desembocadura e parte final da bacia do Amazonas.

A Assembleia ordinária deste ano de 2017 tinha dentre suas finalidades principais a atualização da documentação geral da ONGD, com a aprovação da ata da última Assembleia e das altas e baixas no quadro de sócios; foi também um momento de transparência de gestão, com a prestação e a posterior aprovação das contas, a apresentação do plano de ação e da informação sobre cada uma das diferentes áreas de trabalho e de algumas das delegações territoriais presentes.

A ONGD contava em 1º de junho de 2017 com 1.260 sócios, dos quais 119 o são de pleno direito, 1.036 sócios benfeitores e 105 sócios colaboradores. Outra boa notícia foi o aumento da porcentagem total de recursos dedicados aos fins próprios de Haren Alde, chegando à casa dos 84%, sendo 95% deles destinados a projetos de cooperação para o desenvolvimento, ações solidárias e programa de apadrinhamentos, e 5% à sensibilização e à educação para o desenvolvimento.

Aumentou o número de sócios e de doadores periódicos, mas diminuiu o de padrinhos e madrinhas; foi importante também o aumento da colaboração da Família Agostiniana Recoleta com a campanha anual Coração Solidário.

As contas da ONGD estão sanadas e o exercício econômico foi positivo apesar de o financiamento oriundo de instituições públicas para o terceiro setor continuar em termos bastante baixos, especialmente se o compararmos com as etapas prévias à crise econômica e à grande recessão mundial iniciada em 2008.

Entretanto, a Assembleia ordinária 2017 respirava um clima de final de etapa, dado que, uma vez atualizada a documentação, dois fatos marcaram esse encontro. O primeiro teve relação com a renovação de cargos, através da confirmação de Frei Simón Puertas como novo presidente, a nomeação de Frei Felipe Sada como novo secretário e de um novo coordenador da Andaluzia, Frei Hugo José Sánchez.

O segundo dizia respeito à aprovação de uma continuação do plano de ação até que se possa fazer efetiva a convocatória de uma Assembleia extraordinária, dentro do ano corrente, em seu último trimestre, que permitirá que se deem os passos necessários para a conversão de Haren Alde numa das entidades promotoras da rede solidária internacional ARCORES e em coordenação com a nova Comissão de Apostolado Social (CAS) da Ordem dos Agostinianos Recoletos.

Esse processo terá uma parte institucional que se espera possa fluir até que, no final do ano, se constitua oficialmente Arcores, depois de um tempo prudencial de diálogo entre a Família Agostiniana Recoleta, as províncias, nas quais se dirime a gestão ordinária das comunidades, e o próprio governo e conselho geral; e outra de socialização e apropriação, em que se incluirão a própria jornada Coração Solidário 2017, as celebrações pelos 25 anos de criação de Haren Alde e a explicação pormenorizada a todos os sócios, benfeitores, colaboradores, padrinhos, voluntários e à base social em geral a respeito das causas e das consequências dessas importantes mudanças.

A Assembleia terminou com uma celebração de ação de graças e um almoço para os participantes, em que se continuou a conversar e em que se fez a despedida de Frei Manuel Fernández e a acolhida de Frei Simón Puertas.

Frei Manuel Fernández (Llamas de la Ribera, Leão, Espanha, 1951) é religioso agostiniano recoleto, sacerdote e licenciado em Estudos Eclesiásticos. Como membro de sua Ordem, trabalhou em diversos ministérios da Espanha, da Argentina, da Venezuela e do Brasil. Entre 2008 e 2017, pôs sua experiência missionária e de gestão a serviço de Haren Alde.

Frei Simón Puertas (Granada, Espanha, 1972) também é religioso agostiniano recoleto, sacerdote e licenciado em Estudos Eclesiásticos. Trabalhou em colégios e em paróquias da Espanha e nas missões de sua Ordem em Marajó (Pará, Brasil) até que, em 2006, iniciou um período dedicado ao governo e à gestão em sua Província religiosa, primeiro como secretário e depois como Prior provincial. Em 2017, depois de ter regressado à missão brasileira de Marajó, onde ficou nos últimos dois anos, foi proposto e finalmente eleito presidente de Haren Alde e membro da Comissão de Apostolado Social da Ordem, com residência em Madrid.

© HAREN ALDE - A favor dos demais. ONG'D agostiniana recoleta. General Dávila, 5, bajo D. 28003 - Madrid, Espanha. Telefono e fax: 915 333 959. NIF: G-31422793. Inscrita no Registro Nacional de Associações com o número 115.324. Declarada de Utilidade Pública o 17 de Julio de 2000.
Inicio Quem somos Onde estamos O que fazemos Notícias PUBLICAÇÕES FALE CONOSCO
-
español english