- Haren Alde Aragão apresenta um projeto de promoção da saúde, segurança alimentar e moradia digna na Guatemala.
22-06-2017 Saragoça, Espanha
El proyecto se ha presentado al Ayuntamiento de Zaragoza y pretende reforzar la organización comunitaria en cuatro comunidades rurales del municipio de Flores Costa Cuca, en Quetzaltenango. En caso de ser aprobado, se desarrollarán acciones de salud preventiva, alimentación saludable, vivienda y organización civil.
A ONGD Haren Alde, através de sua Delegação em Aragão, apresentou à convocatória de projetos de Cooperação para o Desenvolvimento da Prefeitura Municipal de Saragoça, um projeto para a promoção da organização social, a prevenção sanitária, a segurança alimentar e a moradia digna nas comunidades rurais de El Manantial, Fátima, Esquipulas e Sequivilla, situadas no município de Flores Costa Cuca, em Quetzaltenango, Guatemala.

O projeto seria realizado em cooperação com a Pastoral Social – Cáritas da Arquidiocese de Los Altos, Quetzaltenango – Totonicapán, território eclesial presidido pelo agostiniano recoleto Dom Frei Mario Alberto Molina.

Essas quatro comunidades rurais receberão, como principal benefício, um acompanhamento formativo que lhes permitirá, por si mesmas, identificar problemas, arbitrar soluções, assumir compromissos, organizar-se em comum para poder dialogar com os poderes públicos e melhorar aspectos concretos tais como uma alimentação mais equilibrada, saudável e nutritiva; a saúde, através da higiene, da prevenção e de ações que permitam às famílias viver em lares mais dignos.

Na região, há um alto grau de vulnerabilidade em matérias de saúde, segurança alimentar e nutricional, escassa organização comunitária e poucos conhecimentos sobre os direitos civis… No total, ao redor de 120 pessoas serão formadas de um modo especial para, depois, no dia a dia, melhorar diretamente a vida de suas próprias famílias.

Pretende-se, ainda, promover a produção de alimentos com altos valores nutritivos, com enfoque ecológico, por meio de oficinas de capacitação teórico-prática, de intercâmbios de experiências e da implementação de boas práticas nas atividades agrícolas.

De um modo especial, serão formados doze animadores que atuarão, em seguida, com as 120 famílias existentes nos quatro pequenos lugarejos rurais. O custo total do projeto seria de pouco menos de 120.000 euros (445.600 reais). À prefeitura da capital aragonesa, solicitam-se 66% desse total, enquanto 20% serão proporcionados pela Cáritas Diocesana e os 14% restantes, pelos próprios beneficiários.


© HAREN ALDE - A favor dos demais. ONG'D agostiniana recoleta. General Dávila, 5, bajo D. 28003 - Madrid, Espanha. Telefono e fax: 915 333 959. NIF: G-31422793. Inscrita no Registro Nacional de Associações com o número 115.324. Declarada de Utilidade Pública o 17 de Julio de 2000.
Inicio Quem somos Onde estamos O que fazemos Notícias PUBLICAÇÕES FALE CONOSCO
-
español english