- Arcores Venezuela nasce apoiando projetos concretos de segurança alimentar e pedindo a união de ação da Família Agostiniana Recoleta
02-10-2017 Caracas. Venezuela
Ajuda material, incidência política e social, denúncia da injustiça, comunhão e fortalecimento do ânimo de pessoas e comunidades mais desamparadas… A Família Agostiniana Recoleta se une para deixar um rastro de justiça e de dignidade em benefício de todas as pessoas na Venezuela.
O Prior geral da Ordem dos Agostinianos Recoletos pediu a toda a Família Agostiniana Recoleta um compromisso de solidariedade e de apoio espiritual ao povo venezuelano, que sofre uma grave crise social, econômica e política que não parece ter solução num curto prazo.

Com a ajuda material, pretende-se remediar um pouco as graves consequências do escandaloso empobrecimento e do risco de fome de grande parte da população. Com o apoio espiritual, de ânimo e fortalecimento do tecido comunitário e da incidência política, quer-se denunciar a injustiça e dar visibilidade à dor de todo um povo.

Por esse motivo, arbitraram-se meios para o apoio econômico dos que desejarem ajudar essa causa:

• Conta em EUROS (€): SOS ARCORES VENEZUELA
(Sucursal do Banco Sabadell em Madrid). O número da conta é:
IBAN: ES88 0081 0640 6800 0216 8519S • WIFT- BIC: BSABESBBXXX

• Conta em DÓLARES USD ($): SOS ARCORES VENEZUELA
(Sucursal do Banco Sabadell em Madrid). O número da conta é:
IBAN: ES19 0081 0640 6700 7199 0313 • SWIFT- BIC: BSABESBBXXX


ARCORES, solidariedade da Família Agostiniana Recoleta na Venezuela

A Rede Solidária Internacional Agostiniana Recoleta ARCORES abriu uma de suas primeiras organizações nacionais precisamente na Venezuela. Já conta desde esta mesma semana com escritórios e, o mais importante, uma equipe humana de trabalho, coordenada pelo agostiniano recoleto Frei Eddy Omar Polo. Nasce, além do mais, num sistema em rede de apoio mútuo, junto à Associação Civil MERAKI.

ARCORES Venezuela quer chegar a toda a Família Agostiniana Recoleta presente em todo o país: comunidades ministeriais e educativas, casas de formação, hospitais e centros de cuidado de idosos e de crianças e outros centros dos Agostinianos Recoletos, das Agostinianas Recoletas do Coração de Jesus, das Missionárias Agostinianas Recoletas, da Fraternidade Secular Agostiniana Recoleta e das Juventudes Agostinianas Recoletas (JAR).

Quatro membros das três congregações religiosas participam de sua Junta Diretiva. “Há muitos projetos e procuraremos ser ponte para que muitos consigam uma vida digna e justa; para isso, sempre será necessária a ajuda de muitas pessoas de boa vontade em todo o mundo”, indicou o presidente de ARCORES Venezuela.


Contra a desnutrição

A situação socioeconômica no país chegou a tais dimensões, que a própria segurança alimentar se viu afetada.

Os dados são alarmantes. Segundo um estudo de finais de 2016, de Cáritas Venezuela, 28% da população infantil está em risco de desnutrição e quase 10%, em risco de morrer de fome. A Venezuela está regredindo a situações que tinham sido superadas no país, com um número crescente de população faminta que perambula pelas ruas, coletando ou procurando comida no lixo.

ARCORES Venezuela iniciou um programa de refeitórios sociais, que trabalham em rede. Por enquanto, são 8 refeitórios, que atendem a mais de 1.500 pessoas e servem mais de 17.000 refeições mensais. O objetivo é consolidar este serviço no longo prazo, enquanto persistirem as condições de graves dificuldades da população para ter acesso aos alimentos.

Para conseguir isso, angariam-se recursos internos através da Família Agostiniana Recoleta na Venezuela e foi lançado um projeto de emergência, com o qual se têm comprometido todas as organizações solidárias dessa Família, em âmbito mundial.

O projeto precisa de 200.000 € (R$ 750.000) em sua primeira fase. Para mais informações, pode consultar aqui.



© HAREN ALDE - A favor dos demais. ONG'D agostiniana recoleta. General Dávila, 5, bajo D. 28003 - Madrid, Espanha. Telefono e fax: 915 333 959. NIF: G-31422793. Inscrita no Registro Nacional de Associações com o número 115.324. Declarada de Utilidade Pública o 17 de Julio de 2000.
Inicio Quem somos Onde estamos O que fazemos Notícias PUBLICAÇÕES FALE CONOSCO
-
español english